Colégios eleitorais abrem para eleições regionais em Berlim

Berlim, 18 set (EFE).- Os colégios eleitorais de Berlim abriram às 3h (horário de Brasília) deste domingo para o pleito regional da capital alemã, no qual, segundo as pesquisas, os grandes partidos terão uma grande queda de votos, especialmente os conservadores da chanceler Angela Merkel.

Cerca de 2,5 milhões de eleitores foram convocados às urnas, 15 dias depois das regionais realizadas no leste do país, onde a União Democrata-Cristã (CDU) de Merkel foi superada pela direita radical da Alternativa para a Alemanha (AfD).

As pesquisas coincidem na previsão de que os social-democratas se manterão como primeira força na cidade-estado e capital alemã, e que poderão continuar à frente de seu governo, que lideram desde 2001.

No entanto, poderia não conseguir o suficiente para reeditar sua atual coalizão com a CDU como parceiro menor, devido à queda de votos que previsivelmente sofrerão os dois grandes partidos, por isso que a alternativa mais provável será a união com os Verdes e a Esquerda.

A AfD preve apoio de 14% dos votos, o que lhe dará cadeiras em um décimo "Land" (estado federado), dos 16 que tem o país.

Não se prevê, no entanto, que supere em Berlim a CDU, como ocorreu no dia 4 de setembro no estado federado de Mecklemburgo Antepomerânia.

Os colégios eleitorais de Berlim fecharão às 13h (em Brasília). EFE

gc/ma

(foto)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos