Reino Unido participou do ataque que matou soldados sírios no sábado

Londres, 19 set (EFE).- As Forças Armadas Britânicas participaram no último sábado na Síria do ataque aéreo da coalizão que provocou a morte de soldados sírios, confirmou o Ministério da Defesa nesta segunda-feira.

"Podemos confirmar que o Reino Unido participou de um ataque da coalizão no sul de Deir ez Zor no sábado e estamos cooperando plenamente com uma investigação da coalizão. O Reino Unido não tinha intenção de atacar unidades militares sírias. Não seria apropriado fazer mais comentários neste momento", informou o órgão.

As Forças Armadas Americanas já admitiram que atacaram "sem intenção" tropas sírias enquanto lançavam ataques contra o grupo terrorista Estado Islâmico (EI) no Iraque.

Segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos, 90 soldados do regime sírio faleceram no bombardeio da coalizão internacional liderada pelo governo em Washington, que atingiu "por engano" posições do Exército em Deir ez Zor.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos