Autoridades francesas detêm oito pessoas próximas a autor de atentado em Nice

Paris, 20 set (EFE).- Pelo menos oito pessoas do entorno do autor do atentado de Nice de 14 de julho foram detidas nas últimas horas na região meridional dos Alpes Marítimos, informaram nesta terça-feira fontes da segurança francesa.

Os detidos são de nacionalidade francesa e tunisiana e estavam em Nice, Saint Laurent du Var e Cagnes sul Mer, explicaram as fontes ao jornal "Le Monde".

Os detidos são em maior ou menor medida próximos a Mohammed Lahouaiej Bouhlel, o tunisiano de 31 anos que na noite de 14 de julho jogou um caminhão contra a multidão que tinha presenciado os fogos de artifício da Festa Nacional em Nice, matando 86 pessoas.

Apesar de a princípio ventilar a possibilidade de Bouhlel ter atuado sozinho após ter sofrido um rápido processo de radicalização, a investigação levou à detenção em julho de seis pessoas que já foram acusadas por cooperação no atentado.

Dois dos cinco acusados em um início são franco-tunisianos, Ramzy A (21 anos) e Mohammed Oualid G. (40), outros dois albaneses, Artan H. (38) e Ankeneja Z. (42), e outro tunisiano, Choukri C. (37), nenhum deles fichado pelos serviços de inteligência.

Posteriormente foi detido Hamdi Z., de 36 anos, que tirou uma "selfie" junto a Bouhlel dias antes do ataque.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos