Papa encontra e abraça líderes de outras religiões reunidos em Assis

Cidade do Vaticano, 20 set (EFE).- O papa Francisco chegou nesta terça-feira a Assis, na Itália, para participar da Dia de Oração pela Paz, e cumprimentou com abraços os líderes religiosos das diferentes confissões que participam do ato.

Após sua chegada de helicóptero, às 11h30 (6h30 em Brasília), o pontífice foi ao sacro convento de Assis e lá cumprimentou um por um os vários representantes de outras religiões que estão no encontro organizado pela associação católica Comunidade de Sant'Egidio.

O papa abraçou efusivamente o patriarca ortodoxo de Constantinopla, Bartolomeu I, e também deu um forte abraço no líder anglicano, o arcebispo de Canterbury, Justin Welby. Ele também falou com o vice-presidente da Universidade Al-Azhar do Egito, o imã Abbas Schuman, o rabino chefe de Roma, Riccardo Di Segni, e outros representantes hebreus e muçulmanos.

Logo na chegada, Francisco se encontrou também com os 25 refugiados de Síria, Afeganistão, Mali, Nigéria e Paquistão, com quem deve almoçar.

Depois, o pontífice participará de várias reuniões individuais com os representantes religiosos e na Basílica de São Francisco fará uma oração comum. Em seguida, acontecerá um ato na principal praça da cidade, onde todas as personalidades discursarão.

No evento será lido um pedido de paz, que será entregue a um grupo de crianças de várias nações, e será feito um minuto de silêncio pelas vítimas das guerras.

O papa voltará a Roma às 18h30 (13hh30 em Brasília), concluindo sua terceira visita a Assis.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos