Príncipe William reconhece os "tristes" momentos em trabalho de resgate

Londres, 20 set (EFE).- O príncipe William, segundo na linha de sucessão à coroa britânica, reconheceu os "tristes" e "desafiantes" momentos de seu trabalho como piloto de helicóptero ambulância, que tenta superar falando com seus companheiros.

Em entrevista para um documentário do site da emissora "BBC", o neto da rainha Elizabeth II falou de seu trabalho na chamada Ambulância Aérea de Anglia Oriental (EAAA, por sua sigla em inglês), dedicada a atender situações de emergência no sudeste da Inglaterra, perto de onde vive com sua família.

"Acredito que o (momento) mais desafiante foi um com queimaduras. Houve um trabalho em particular que foi bastante desagradável e não sei como a equipe médica tratou o caso porque vieram ao resgate e fizeram tudo o que (puderam)", explicou o príncipe.

Sentado em uma porta aberta de um helicóptero junto ao capitão da equipe de ambulâncias, James Pusey, o príncipe William admitiu que há "momentos muito tristes,obscuros", mas "nós falamos muito. A melhor maneira de lidar com algumas das situações é falando".

O filho do príncipe Charles recalcou que falar permite tirar o "estresse" e ajuda a "nos unir" como equipe.

O duque vive com sua mulher, Kate, e seus filhos, os príncipes George e Charlotte, em uma mansão em Norfolk, no leste da Inglaterra, desde onde acode a cada dia ao trabalho.

Nesse sentido, William admitiu sua satisfação por fazer este trabalho, "seja às 5h30 ou que tenha que ir dormir às 2h. O trabalho por turnos é emocionante".

Além deste trabalho, o príncipe cumpre com seus compromissos oficiais como membro da família real e seus trabalhos beneficentes.

O duque, de 34 anos, fará neste fim de semana com sua família uma viagem oficial de oito dias ao Canadá.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos