EUA enviam outro bombardeiro para Seul como advertência a Coreia do Norte

Seul, 21 set (EFE).- Os Estados Unidos enviaram nesta quarta-feira para a Coreia do Sul outro bombardeiro supersônico como uma nova advertência a Coreia do Norte, em plena etapa de tensão pelo recente teste nuclear e os contínuos avanços armamentismos do regime de Kim Jong-un.

O bombardeiro supersônico B-1B Lancer aterrissou na base americana de Osan, em Pyeongtaek, procedente da base de Guam no Pacífico, informaram as Forças dos EUA na Coreia do Sul (USFK), através de um comunicado.

Inicialmente, dois bombardeiros americanos partiram de Guam para a Coreia do Sul, mas um deles teve que retornar, revelou à Agência Efe uma porta-voz das USFK em Seul, sem especificar o motivo.

Os EUA já haviam enviado na semana passada a Osam dois B-1B Lancer, que realizaram um voo de teste sobre Coreia do Sul como sinal de advertência para a Coreia do Norte, quatro dias após seu quinto teste nuclear.

A chegada do novo bombardeiro "é apenas mas um recurso da ampla gama de opções que temos" para resistir o "comportamento agressivo" da Coreia do Norte, indicou o tenente-general Thomas W. Bergeson da Força Aérea dos EUA.

"A península coreana está enfrentando uma grave crise de segurança pelo quinto teste nuclear da Coreia do Norte e seu seguido lançamento de mísseis balísticos e SLBM (mísseis lançados a partir de um submarino)", afirmou o tenente-general Lee Wang-keun, comandante de operações da Força Aérea sul-coreana.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos