Rahami continua inconsciente e sua esposa volta aos EUA para ser interrogada

Nova York, 22 set (EFE).- Ahmad Khan Rahami, o homem acusado dos ataques com explosivos em Nova York e Nova Jersey, continua nesta quinta-feira inconsciente no hospital, enquanto sua esposa voltou de forma voluntária aos Estados Unidos para ser interrogada.

Rahami continua "entubado " e "inconsciente" em um hospital de Newark (Nova Jersey), e as autoridades não sabem ainda quando poderão fazer a leitura formal das dez acusações que pesam contra ele, segundo publicam diversos meios de imprensa locais.

Um porta-voz do escritório do FBI em Newark afirmou ao jornal "Star Ledger" que o acusado está "em muito mal estado" e continuará sob atendimento médico até que possa ser levado para Nova York para comparecer ao tribunal.

Enquanto isso, a esposa de Rahami retornou nas últimas horas de forma voluntária aos EUA e está sendo interrogada por agentes federais nas dependências do aeroporto John F. Kennedy de Nova York.

Os investigadores acreditam que o testemunho da Asia Bibi Rahami pode ter "um imenso valor" para ajudar a esclarecer as circunstâncias que levaram ao processo de radicalização de seu marido, segundo fontes de inteligências citadas pelo canal "ABC".

Asia Bibi Rahami, de nacionalidade paquistanesa, viajou para seu país em junho, e não alguns dias antes dos ataques como tinha sido informado, e após as explosões se apresentou na Embaixada dos EUA nos Emirados Árabes Unidos para falar com as autoridades.

Rahami é acusado da explosão de uma bomba no bairro nova-iorquino de Chelsea no dia 17 de setembro, que deixou 31 feridos, um deles britânico, e da colocação de outra bomba a quatro quadras que não chegou a explodir.

Ele também é acusado da explosão de outra bomba na cidade de Seaside Park (Nova Jersey) nesse mesmo dia 17 e da colocação de outros cinco artefatos perto da estação de trens de Elizabeth um dia depois.

Rahami foi detido na manhã da segunda-feira após um tiroteio na cidade de Linden no qual atirou contra um policial, o que levou a Promotoria do condado de Union a apresentar as primeiras acusações contra ele por tentativa de assassinato do agente.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos