Imigrante turco é suposto autor do tiroteio que causou 5 mortos nos EUA

Washington, 25 set (EFE).- O suposto autor do tiroteio em um centro comercial de Burlington, no estado de Washington (EUA), no qual morreram cinco pessoas foi identificado como Arcan Çetin, um imigrante turco, informou neste domingo a Polícia estadual.

Trata-se de um jovem de 20 anos residente em Oak Harbor, cidade situada a cerca de 40 quilômetros do local do ataque e onde foi detido, explicou em entrevista coletiva o responsável policial do condado Mike Hawley.

Çetin, um imigrante procedente da Turquia com residência permanente nos EUA, foi detido quando caminhava junto à estrada depois que a Polícia de Oak Harbor localizou seu veículo.

"Parecia um zumbi", afirmou Hawley, ao explicar que Çetin, que não estava armado, não ofereceu resistência nem disse nada no momento da detenção.

A detenção aconteceu porque a Polícia recebeu vários telefonemas nos quais foram informados que o suspeito estava nessa região.

Sobre os motivos do ataque, o responsável da Polícia disse "não ter nem ideia", ao mesmo tempo em que acrescentou que os investigadores não descartam que se trate de um ato de terrorismo.

Çetin, que não foi formalmente acusado ainda, foi detido no passado "por um simples assalto" e está na prisão de Skagit County, disse Hawley.

"Ele emigrou da Turquia, mas é um residente permanente legal nos Estados Unidos ... vamos solicitar (às autoridades federais) que averiguem nos temas de imigração", acrescentou.

Em entrevista coletiva prévia à detenção, o FBI disse que "não há indícios de que tenha sido terrorismo" jihadista, embora não se descarte completamente essa possibilidade.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos