Jamaica está em "alerta máximo" devido a furacão Matthew

Kingston, 30 set (EFE).- O diretor de comunicação do governo da Jamaica, Robert Morgan, reiterou nesta sexta-feira que o executivo está em "alerta máximo" perante a possibilidade de que o furacão Matthew, agora de categoria 5, chegue ao país.

Previamente o primeiro-ministro do território caribenho, Andrew Holness, em comunicado, havia também dito que o governo estava em alerta máximo perante um furacão que se espera chegue à Jamaica.

"Não se deve entrar em pânico, mas sim estar preparados", disse sobre o fenômeno, o primeiro grande furacão na região desde o Sandy em 2012.

O diretor de comunicação declarou esta noite que espera que o furacão não chegue, mas se o fizer está tentado fazer o melhor que pode para assegurar que todos estejam na melhor situação possível.

Perante tal possibilidade e a advertência das autoridades muitos cidadãos foram aos supermercados locais para comprar mantimentos e utensílios de necessidade básica.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos