Jamaica, Haiti e Cuba desdobram medidas por proximidade do furacão Matthew

Miami, 2 out (EFE).- O furacão de categoria 4 Matthew continua neste domingo seu deslocamento pelo Caribe rumo à Jamaica, Haiti e partes de Cuba, onde as autoridades desdobraram medidas especiais.

O quinto furacão da atual temporada no Atlântico continua com ventos máximos sustentados de 240 quilômetros por hora e mantém um lento deslocamento 7 km/h, segundo o último boletim do Centro Nacional de Furacões (NHC) dos EUA.

O furacão está a 545 quilômetros ao sul-sudoeste de Porto Príncipe, capital do Haiti, e 510 quilômetros ao sul-sudeste de Kingston (Jamaica), indicou o boletim.

Foram emitidos avisos de passagem de furacão para Jamaica, Haiti e algumas províncias cubanas como Guantánamo, Santiago de Cuba, Holguin, Granma e Las Tunas.

Da mesmo maneira, a República Dominicana, concretamente desde Barahona até a fronteira com o Haiti, também se encontra sob aviso de tempestade tropical e as autoridades mantêm 24 províncias em alerta, 10 em nível vermelho.

No vizinho Haiti, a passagem do ciclone obrigou às autoridades locais a evacuar a população das principais zonas de risco, especialmente no sul do país.

E enquanto o governo de Cuba decretou uma "fase de alerta" no oriente do país pelo avanço do furacão, a Marinha dos EUA ordenou ontem a evacuação obrigatória de todo o pessoal não essencial da base de Guantánamo (Cuba) e suas famílias.

Na Jamaica, o governo reforçou as medidas, e o primeiro-ministro, Andrew Holness, manteve no sábado conversas com todos os funcionários cujas agências estão relacionadas com a prevenção e resposta perante desastres.

De acordo com o centro meteorológico com sede em Miami, Matthew é o furacão "mais potente" que castiga o Atlântico desde Félix, que deixou mais de 130 mortos em sua passagem pela Nicarágua em 2007, e espera- se que persista como um furacão maior até segunda-feira pela noite.

Segundo a previsão do NHC, Matthew manterá hoje sua trajetória com direção noroeste e na noite deve seguir rumo ao norte. Na trajetória prevista estima-se que o ciclone se aproximará de Jamaica e Haiti na segunda-feira.

Este "poderoso" fenômeno tem ventos com força de furacão que são sentidos em um raio de 35 quilômetros desde seu centro e os de força de tempestade tropical se estendem até 205 milhas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos