Temer viaja para Buenos Aires e Assunção para suas primeiras visitas oficiais

Brasília, 3 out (EFE).- O presidente Michel Temer viajou nesta segunda-feira à Argentina, onde se reunirá com o presidente argentino Mauricio Macri, para depois ir a Assunção e se encontrar com o presidente do Paraguai, Horacio Cartes.

Temer realizará assim as primeiras visitas oficiais de seu mandato em um mesmo dia. O presidente brasileiro, que nesta viagem pretende discutir entre outros assuntos a situação do Mercosul, será recebido por Macri com um almoço na residência presidencial de Olivos, na zona norte de Buenos Aires. À tarde, ele partirá rumo à capital uruguaia, onde tem previstos uma reunião de trabalho e um jantar com Cartes, após o qual voltará a Brasília.

Fontes oficiais disseram à Agência Efe que Temer reforçará o interesse de seu governo de dar uma "nova dinâmica" ao Mercosul, bloco integrado por Brasil, Argentina, Uruguai, Paraguai e Venezuela.

Na semana passada, Temer declarou que o bloco deve ampliar seus horizontes comerciais, acabar com as barreiras de tarifas entre seus membros e "modernizar" seus trâmites burocráticos, a fim de facilitar o comércio.

Além disso, Temer deverá tratar com Macri e Cartes o caso da Venezuela, que de forma unilateral insiste em exercer a presidência rotativa do Mercosul, apesar de ter sido vetada por Brasil, Argentina e Paraguai, com a abstenção do Uruguai.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos