Visando autonomia, Macri e Temer defendem "flexibilizar" Mercosul

Buenos Aires, 3 out (EFE).- Os presidentes de Brasil e Argentina, Michel Temer e Mauricio Macri, defenderam nesta segunda-feira a necessidade de fortalecer o Mercosul e promover uma "flexibilização" de suas regras para "dar certa autonomia aos Estados em suas relações internacionais".

Temer e Macri tiveram uma reunião oficial em Buenos Aires e depois concederam uma entrevista coletiva na qual, entre diversos assuntos da agenda bilateral, ressaltaram a posição dos dois países em relação ao presente e ao futuro do bloco.

Depois de lembrar os "laços históricos" do Brasil com a Argentina e a "identidade de posições" entre seu governo e o de Macri, Temer ressaltou a necessidade de que ambos trabalhem em conjunto em prol do "fortalecimento do Mercosul".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos