Navio espanhol encontra balsa com 22 corpos de imigrantes perto da Líbia

Trípoli, 4 out (EFE).- O navio espanhol "Astral", pertencente à ONG Proactiva Open Arms, encontrou nesta terça-feira uma balsa a poucas milhas do litoral da Líbia com pelo menos 22 corpos de pessoas que tentavam atravessar de forma irregular o Mediterrâneo, informou Laura Lanuza, porta-voz da organização, à Agência Efe.

O "Astral" trabalha há vários dias em parceria com a guarda costeira líbia em uma região situada a sete milhas do litoral oeste do país africano. Laura disse que conversou com o capitão do navio e que ele afirmou que sua embarcação iria rebocar a balsa para terra firme.

Poucas horas antes, a própria guarda costeira resgatou na mesma região 140 pessoas que pretendiam chegar de forma irregular à Europa em uma embarcação precária. O bote inflável no qual viajavam estava à deriva e foi achado a 14 milhas do litoral de Mellita, cidade que fica a cem quilômetros a oeste de Trípoli.

"A maior parte dos imigrantes procedia de países da África Subsaaariana, e entre eles há várias mulheres e crianças. Eles foram levados a um centro de amparo na cidade", disse a fonte sem dar outros detalhes.

No ano passado, mais de 5 mil imigrantes morreram ao fazerem a travessia do Mediterrâneo rumo à Europa em embarcações precárias que zarparam do litoral da Líbia. EFE

mak-jm/id

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos