Polícia desmantela rede indiana que extorquiu US$ 45 milhões nos EUA em 1 ano

Nova Délhi, 5 out (EFE).- A polícia indiana desmantelou nesta quarta-feira uma rede criminosa que arrecadava aproximadamente US$ 45 milhões por ano ao extorquir supostos fraudadores fiscais nos Estados Unidos, que recebiam uma ameaça de serem denunciados caso não fizessem imediatamente um pagamento por transferência.

A operação policial contra vários centros de ligações na cidade de Thane, perto de Mumbai, foi iniciada na noite de terça-feira e terminou nesta manhã, conforme informou em entrevista coletiva o delegado Param Bir Singh.

De acordo com o porta-voz policial, durante as inspeções, que contaram com cerca de 200 agentes, foram detidas 70 pessoas e 600 foram denunciadas, a maioria trabalhadores que, com sotaque americano, faziam as ligações à América do Norte.

"As pessoas que ligavam diziam que falar do escritório do Serviço de Impostos Internos (IRS), diziam que o ouvinte era fraudador fiscal e que esse dinheiro deveria ser pago de maneira imediata", explicou Singh, segundo a agência local "PTI".

Os operadores, que ligavam de uma base de dados de fraudadores fiscais nos EUA à qual tiveram acesso, costumavam pedir cerca de US$ 10 mil, embora depois o pagamento costumasse ser feito em quantias entre US$ 5 mil e US$ 3 mil, fazendo a transferência do dinheiro com cartão, de acordo com o delegado.

Com este método, a rede, que operava a mais de um ano e conseguia enganar um a cada cem americanos que recebiam a ligação, obtinha lucros de aproximadamente US$ 150 mil ao dia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos