Parlamento japonês começa a debater a ratificação do TPP

Tóquio, 14 out (EFE).- O parlamento japonês começou nesta sexta-feira a debater a ratificação do Acordo de Associação Transpacífico (TPP), pacto que o governo se propôs a aprovar antes do término do atual período de sessões em 30 de novembro.

"É crucial que nosso país gere impulso para que (o tratado) se transforme em uma realidade", disse hoje no plenário o ministro da Economia e Política Fiscal, Nobuteru Ishihara, em declarações recolhidas pela agência "Kyodo".

O primeiro-ministro, Shinzo Abe, ressaltou recentemente a importância de que o Japão se transforme no primeiro país em ratificar este importante tratado comercial entre 12 países da Bacia do Pacífico.

Seu governo considera o TPP um incentivo para aprovar reformas estruturais pendentes dentro de seu programa de reforma econômica, batizado como "Abenomics".

As ânsias de Abe por conseguir que a câmara japonesa aprove o TPP refletem a atual preocupação em torno do futuro do tratado depois que os dois candidatos à presidência dos EUA indicaram que não aceitarão o acordo sob as condições atuais, que foram negociados de maneira muito opaca.

Apesar da maioria na câmara, o governo quer contar com a maior aprovação possível, embora certamente topará com a forte oposição de vários blocos, entre eles o Partido Democrático (PD).

O principal bloco da oposição denunciou também a opacidade do conteúdo do TPP e que poderia desproteger sobremaneira ao setor agrícola japonês.

Uma dúzia de países da Bacia do Pacífico entre os que se contam, além disso do Japão, Estados Unidos, México, Peru ou Chile, aprovaram o TPP em fevereiro, embora o acordo ainda deva ser ratificado independentemente por cada Estado para sua entrada em vigor.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos