Afeganistão retoma negociações com talibãs

Londres, 18 out (EFE).- O governo do Afeganistão e representantes dos talibãs recomeçaram em sigilo seus encontros no Catar, revelou nesta terça-feira o jornal britânico "The Guardian", citando fontes de grupos insurgentes e de autoridades de Cabul.

Conforme informação divulgada pelo periódico, os encontros aconteceram em setembro e no início deste mês, com a presença de um diplomata americano. Entre os presentes estava o mulá Abdul Emanam Akhund, o irmão mais novo do chefe dos talibãs e líder do movimento até sua morte em 2013, o mulá Omar.

Doha foi o centro da "diplomacia" talibã desde que esse movimento recebeu o sinal verde para estabelecer na capital catariana um escritório, há três anos. Segundo uma fonte talibã ouvida pelo jornal britânico, espera-se que o filho mais velho do mulá Omar, Mohammad Yaqub, em breve se reúna ao grupo em Doha.

O primeiro encontro, ocorrido em setembro, "aconteceu de maneira positiva e em uma clima livre de problemas" e, nele, Abdul Emanam se sentou em frente de Mohammed Masoom Stanekzai, o chefe dos serviços de inteligência do Afeganistão.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos