Marinheiro de navio-escola espanhol morre no Recife

Madri, 18 out (EFE).- Um marinheiro que fazia parte da tripulação do navio-escola espanhol Juan Sebastián Elcano faleceu no sábado em um hospital de Recife após adoecer a bordo da embarcação, segundo informou nesta terça-feira a Marinha espanhola.

O marinheiro em questão é Alberto Morales Mora, de 29 anos, que adoeceu quando a embarcação navegava rumo a Salvador da Bahia.

A pioria no estado de saúde do marinheiro ocasionou uma evacuação de urgência e para isso o navio teve que desviar de sua rota para se aproximar do porto mais perto, Recife, onde Mora foi desembarcado no dia 11 acompanhado por médicos.

O estado de saude do paciente continuou se agravando no hospital até levar à morte na madrugada do dia 15, afirmou a Marinha.

As autoridades aguardam os resultados da autópsia para determinar a causa da morte.

A Marinha espanhola ativou o protocolo de apoio à família e iniciou os trâmites para a repatriação do corpo.

O jovem era morador de Maracena (Granada), cuja Prefeitura informou à Agência Efe que a repatriação do corpo para esta cidade será realizada nesta mesma semana.

Os parentes do marinheiro se deslocaram até o Brasil para completar os trâmites da repatriação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos