ONU só recebeu 12,5% dos US$ 120 milhões solicitados para ajudar Haiti

Nações Unidas, 18 out (EFE).- A Organização das Nações Unidas lamentou nesta terça-feira a resposta "pobre" dada pelos doadores ao seu pedido de recursos emergenciais para apoiar o Haiti após a passagem do furacão Matthew, e disse que, por enquanto, só recebeu US$ 15 milhões dos US$ 120 milhões que considera necessários.

No último dia 10, a organização solicitou essa quantidade para auxiliar por três meses, aproximadamente, 750 mil pessoas gravemente atingidas pela catástrofe. Por enquanto, no entanto, existe uma carência "crítica" de fundos, segundo indicou em entrevista coletiva o porta-voz Stéphane Dujarric.

A ONU voltou a dizer hoje que são grandes as necessidades humanitárias no Haiti, onde ainda existem áreas remotas e de difícil acesso por consequência dos danos causados pelo furacão.

Segundo a organização, mais de 175 mil pessoas estão vivendo em 224 refúgios temporários e 116 mil crianças estão sem aula. Além disso, mais de 1,2 milhão - incluindo 500 mil menores - precisa de água potável e saneamento para prevenir doenças como a cólera.

Com essa finalidade, o país recebeu carregamentos de pastilhas para purificar água para 475 mil pessoas e as autoridades locais estão distribuindo cloro.

Conforme os dados oficiais mais recentes, Matthew deixou 540 mortos, 128 desaparecidos e 175 mil deslocados no Haiti.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos