Ryan dispara contra medidas de Obama para Cuba e diz que manterá embargo

Washington, 18 out (EFE).- O presidente da Câmara dos Representantes dos EUA, o republicano Paul Ryan, disparou nesta terça-feira contra as últimas medidas do governo de Barack Obama para aliviar as restrições econômicas sobre Cuba e disse que, perante a falta de avanços, pensa em "manter" o embargo sobre a ilha.

Em comunicado, Ryan, o republicano de maior categoria em um cargo eletivo no país, insistiu que os irmãos Raúl e Fidel Castro "seguem encarcerando centenas de ativistas pró-democráticos por mês" o que, a seus olhos, demonstra que os esforços de abertura do Executivo americano são em vão.

"O último movimento do presidente Obama só ajudará a financiar os Castro no poder e porá em perigo os direitos de propriedade intelectual das empresas americanas", alegou o congressista republicano.

"Como os dois últimos anos de normalização de relações só incentivaram o regime em detrimento do povo cubano, tenho a intenção de manter nosso embargo contra Cuba", asseverou.

Obama emitiu na sexta-feira uma ordem para fazer com que a abertura com Cuba seja "irreversível", com a qual pretende "consolidar" as mudanças adotadas por seu governo dentro da normalização bilateral iniciada em dezembro de 2014.

A nova direção presidencial foi emitida acompanhada de mais relaxamentos ao embargo econômico vigente sobre Cuba que permitirão, entre outras coisas, impulsionar a pesquisa médica conjunta e ajudar a melhorar a agricultura e a infraestrutura da ilha.

As novas emendas ao regime de sanções associadas ao embargo imposto à ilha foram anunciadas pelos departamentos de Comércio e do Tesouro, e entraram em vigor na segunda-feira.

Apesar da ordem de Obama, o embargo comercial que pesa sobre o país caribenho só pode ser levantado com a autorização do Congresso americano.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos