Prazo para "trégua humanitária" de 11 horas em Aleppo tem início

Beirute, 20 out (EFE).- A "trégua humanitária" de onze horas na cidade de Aleppo, na Síria, começou às 8h (hora local) desta quinta-feira, embora as autoridades sírias não tenham proclamado oficialmente seu início como em tréguas anteriores.

O Comando Geral das Forças Armadas sírias disse em um comunicado na noite de ontem sua decisão de suspender os bombardeios contra os bairros do leste de Aleppo, sitiados pelo Exército e controlados pela oposição.

A nota lembrou que a pausa humanitária se estenderá até às 19h (hora local) de hoje.

As forças armadas renovaram seu apelo aos combatentes da metade oriental de Aleppo para que se rendam, entreguem suas armas e se beneficiem de um indulto.

Na noite passada, as autoridades sírias anunciaram a saída dos primeiros milicianos opositores, doentes e feridos do leste de Aleppo, depois que o Exército se afastou para permitir a saída.

Segundo a agência de notícias oficial síria "Sana", vários combatentes e um grupo de feridos, doentes e idosos deixaram a metade oriental de Aleppo, através dos corredores habilitados por soldados sírios, em parceria com os russos.

Até o momento, estas informações não foram confirmadas por nenhuma outra fonte.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos