Ex-emir do Catar morre aos 84 anos

Cairo, 23 out (EFE).- O xeque Khalifa bin Hamad Al Thani, ex-emir do Catar e avô do atual líder do país, Tamim bin Hamad Al Thani, morreu neste domingo, aos 84 anos, informou a agência "Quna".

A agência, que cita um comunicado da Casa Real do Catar, não deu detalhes sobre as causas da morte do ex-emir, que deixou o poder em 1995, enquanto estava na Suíça, depois de um golpe de Estado.

A Casa Real do Catar decretou três dias de luto nacional pela morte do líder. Khalifa bin Hamad Al-Thani foi o sexto emir do Catar e chegou ao trono em 1972, após derrubar seu primo do poder.

Seu filho, Hamad bin Khalifa Al Thani, liderou o golpe que acabou com seu reinado em 1995. Depois de ter deixado o poder, Khalifa viveu exilado na Arábia Saudita e nos Emirados Árabes Unidos.

Em 2004, o ex-emir retornou ao Catar voluntariamente.

O atual emir do Catar chegou ao poder em 2013, com 33 anos, depois que seu pai, Hamad bin Khalifa Al-Thani, abdicasse ao trono, apesar de só ter 61 anos, em um fato com poucos precedentes nas monarquias do Golfo Pérsico.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos