Número de mortos em acidente de trem em Camarões aumenta para mais de 70

Nairóbi, 23 out (EFE).- As autoridades de Camarões elevaram para mais de 70 o número de mortos no acidente do trem da sexta-feira passada que fazia o trajeto entre a capital política do país, Yaoundé, e a capital econômica, Duala, informou neste domingo a Radiotelevisão Cameronesa.

Um primeiro balanço de mortos no acidente situou o número de vítimas fatais em 55.

Mais de 500 pessoas ficaram feridas no acidente, que aconteceu perto da estação da cidade de Eseka, no centro do país.

No trem viajavam mais de 1.200 pessoas, depois que o desmoronamento da estrada entre Yaoundé e Duala interrompeu o tráfego por estrada e obrigou muitos viajantes a se deslocar por ferrovia.

O presidente de Camarões, Paul Biya, transmitiu seus pêsames aos familiares das vítimas e declarou amanhã, segunda-feira, dia de luto nacional.

Perante o bloqueio do tráfego terrestre entre os dois pontos nevrálgicos do país, a companhia aérea estatal, a Camair, redobrou desde a sexta-feira sua oferta de voos entre as duas cidades.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos