Afeganistão contrato advogado para libertar afegã da National Geographic

Islamabad, 27 out (EFE).- O embaixador do Afeganistão em Islamabad anunciou nesta quinta-feira que contratou advogados para defender a mulher afegã que ficou famosa por seus olhos verdes em uma capa da "National Geographic" em 1985 e que foi detida no Paquistão por posse ilegal de um documento de identidade paquistanesa.

"Espero que Sharbat Gula seja libertada nos próximos dois dias e se reúna com sua família", escreveu o chefe da missão diplomática afegã, Omar Zakhilwal, em sua conta do Facebook.

Gula, imortalizada pelo fotógrafo Steve McCurry, foi detida ontem na cidade de Peshawar por supostamente obter documentos de identidade paquistaneses para ela e dois supostos filhos após subornar três funcionários, e pode enfrentar até 14 anos de prisão.

O diplomata explicou que contratou "prestigiados advogados" para solucionar a situação através de canais legais, após falar com a família da mulher.

Zakhilwal indicou que espera que Gula possa retornar em breve ao Afeganistão, onde o presidente do país, Ashraf Ghani, lhe presenteará com uma casa.

Gula estava tratando precisamente de vender sua casa no Paquistão para voltar ao Afeganistão perante a pressão do governo paquistanês para que os cerca de três milhões de refugiados afegãos deixem o país.

"Supunha-se que após ser redescoberta pela 'National Geographic', deveria ter sido ajudada e estar em uma melhor situação econômica, mas não foi assim. Seu marido morreu e tem que ganhar o sustento para seus quatro filhos", indicou Zakhilwal.

O afegão se referia ao fato de a prestigiada revista americana e McCurry a buscaram e fotografaram de novo 17 anos depois daquela mítica capa da "National Geographic".

O fotógrafo se comprometeu ontem, após conhecer a situação da chamada "Mona Lisa do Afeganistão", a "fazer tudo o que puder para ajudá-la legalmente e financeiramente".

"Ela sofreu toda sua vida e sua detenção é um enorme violação de seus direitos humanos", escreveu o americano em sua página de Facebook.

Gula foi imortalizada por McCurry em um campo de refugiados de Peshawar em 1985.

Seu rosto envolvido em um lenço vermelho e seus poderosos olhos verdes transformaram a imagem da menina em um ícone da fotografia contemporânea.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos