Soldado turco morre após explosão atribuída à guerrilha curda

Ancara, 27 out (EFE).- Um soldado turco morreu nesta quinta-feira após a explosão de uma bomba durante a passagem do veículo militar no qual viajava por uma estrada na província sudeste de Bingol, em uma ação atribuída à guerrilha do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK).

A bomba estava escondido na estrada perto da cidade de Kigi, informa a agência "Ihlas".

Um sargento morreu por causa da detonação e logo após as forças de segurança lançaram uma operação de busca dos responsáveis do ataque.

O PKK, classificado como terrorista pela Turquia, Estados Unidos e a União Europeia, costuma utilizar a tática de explodir artefatos por controle remoto durante a passagem de comboios militares.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos