Um dos principais grupos jihadistas do Sahel jura lealdade ao EI

Rabat, 31 out (EFE).- O grupo jihadista Al Mourabitoun, um dos mais ativos na região do Sahel e até agora filiado à Al Qaeda, jurou lealdade à organização terrorista Estado Islâmico (EI) nesta segunda-feira e pediu aos muçulmanos que se unam contra "a ofensiva cruzada em oposição ao islã".

"Em obediência às ordens de Alá e do profeta de unir as fileiras e evitar a divisão e as divergências, o grupo Al Mourabitoun jura lealdade ao califa dos muçulmanos xeque Abu Bakr al Bagdadi (líder do EI)", anunciou o líder desse grupo, Abu al Walid al Saaraui, em um vídeo que foi emitido por vários fóruns jihadistas.

Al Mourabitoun perpetrou algum dos atentados mais mortais na zona do Sahel contra locais turísticos.

Em sua gravação, o dirigente jihadista pediu aos muçulmanos que se filiem ao EI jurando lealdade a al-Baghdadi e apoiando seu califado, declarado em amplas zonas no Iraque e Síria.

Além disso, nesta gravação de dois minutos e meio, Al Sahraui (que tem acento argelino) exige dos muçulmanos "a união de suas fileiras perante a ofensiva cruzada mundial contra o islã e os muçulmanos".

Al Saaraui apareceu no vídeo em meio às árvores e acompanhado por vários homens encapuzados que levavam bandeiras negras e fuzis de assalto de tipo Kalashnikov; no final do filme, todos juram lealdade de forma coletiva ao líder do EI.

Esta nova passagem deste grupo terrorista foi anunciada também pela agência de informação "Amaq", que é um dos aparatos midiáticos do EI.

Em 16 de janeiro, o mesmo grupo reivindicou os atentados perpetrados um dia antes em Ouagadogou, capital de Burkina Fasso, que deixaram pelo menos 30 mortos, ao tomar o luxuoso hotel Splendid da capital.

O mesmo grupo também reivindicou em 20 de novembro o ataque contra o hotel Radisson Blu, um conhecido estabelecimento entre a comunidade expatriada na capital malinesa Bamaco, que deixou 19 mortos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos