Crescente Vermelho líbio recupera 38 corpos de imigrantes no Mediterrâneo

Trípoli, 3 nov (EFE).- O Crescente Vermelho líbio recuperou nas últimas 72 horas os corpos de 38 imigrantes, que morreram no Mediterrâneo quando tentavam chegar ao litoral da Europa.

Zawarah Ibrahim Attoha, porta-voz desse órgão, explicou hoje à Agência Efe que dez corpos foram tirados do mar na quarta-feira, 18 na terça-feira e mais dez na segunda-feira.

"Acreditamos que procedem de um barco que afundou dias atrás quando navegava à deriva com cerca de 120 pessoas a bordo, das quais os demais foram resgatados", disse o porta-voz, sem dar mais detalhes.

As praias do oeste da Líbia e do sudeste da Tunísia são os principais pontos de partida para o cerca de meio milhão de pessoas que, segundo especialistas da União Europeia e Nações Unidas, esperam poder chegar ao litoral da Europa.

No ano passado, mais de 5.000 pessoas, em sua maioria chegadas da África Subsaariana e em mãos das máfias que se aproveitam do caos e da guerra civil na Líbia, morreram ao tentar atravessar o Mediterrâneo em embarcações precárias.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos