Tiroteio em frente a base aérea na Jordânia mata 3 militares americanos

Washington, 4 nov (EFE).- O Pentágono confirmou nesta sexta-feira a morte de três militares americanos que foram baleados na entrada de uma base militar na Jordânia.

"Três militares americanos morreram hoje em um incidente com tiros em uma base militar jordaniana", disse o porta-voz do Pentágono, Peter Cook.

Segundo a agência de notícias estatal jordaniana, "Petra", o tiroteio aconteceu na entrada da base aérea Príncipe Faiçal, ao sul da capital, Amã, depois que o veículo no qual os militares estavam não parou na frente da instalação militar, como estava determinado.

No entanto, o Pentágono disse que está "trabalhando com as autoridades jordanianas para determinar exatamente o ocorrido".

O Departamento de Defesa disse que só tem ciência de que os militares, que trabalhavam em missões de treinamento militar na Jordânia, foram baleados quando estavam entrando na base.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos