Estado Islâmico sequestra 6 pessoas no norte do Afeganistão

Cabul, 5 nov (EFE).- O grupo jihadista Estado Islâmico (EI) sequestrou seis pessoas na província de Ghor, no noroeste do Afeganistão, onde há duas semanas já havia executado cerca de 30 civis, no que foi percebido como uma prova da presença do grupo na metade norte do país.

"O EI sequestrou ontem à noite seis pessoas na região noroeste de Ferozkoh, capital de Ghor", disse à Agência Efe o porta-voz do governador provincial, Abdul Hai Khatib.

As forças de segurança lançaram uma operação para resgatar os reféns e as autoridades esperam que possam ser libertados "em breve", detalhou a fonte.

O sequestro acontece duas semanas depois que os jihadistas capturaram e posteriormente mataram a tiros 30 civis, entre eles vários menores, supostamente em represália pela morte de um de seus comandantes pelas mãos das tropas afegãs.

O EI está presente no Afeganistão pelo menos desde o ano passado e, embora em março as autoridades tivessem anunciado sua derrota, os combates entre forças afegãs e jihadistas não cessaram, nem seus ataques em várias partes do país.

No entanto, as ações do grupo se concentravam até agora principalmente em Cabul e no leste do país, onde fica seu reduto, a província de Nangarhar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos