Por telefone, Hillary reconhece a Trump sua derrota nas eleições

Washington, 9 nov (EFE).- A candidata democrata Hillary Clinton falou por telefone nesta quarta-feira com seu concorrente na disputa pela presidência dos Estados Unidos, o republicano Donald Trump, para reconhecer a derrota nas eleições.

O próprio Trump, que tomará posse como presidente em janeiro, disse ter recebido a ligação de Hillary quando concedeu seu discurso no centro de convenções Javits Center, em Nova York.

"Ela me ligou para me parabenizar por nossa vitória, e eu a parabenizei por uma campanha muito, muito dura. Ela lutou muito forte", reconheceu Trump, entre aplausos e gritos de seus apoiadores.

Fontes ligadas a Hillary confirmaram o telefonema depois que o chefe de campanha da candidata, John Podesta, pediu a seus partidários para que voltassem para casa após confirmar que a candidata não falaria publicamente hoje.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos