Trump torna-se primeiro republicano a ganhar na Pensilvânia desde 1988

Washington, 9 nov (EFE).- O candidato republicano à presidência dos Estados Unidos, Donald Trump, venceu a disputa na Pensilvânia, um dos estados-chave das eleições deste ano e tradicionalmente democrata, e se tornou o primeiro candidato de seu partido a ganhar lá desde que George H. W. Bush o fez em 1988, segundo as projeções das principais redes de televisão americanas.

A Pensilvânia concede 20 votos no colégio eleitoral dos 270 necessários para eleger um presidente, e é, portanto, o segundo estado com mais peso no mapa eleitoral entre os chamados pendulares (onde não há predileção clara entre republicanos e democratas), atrás apenas da Flórida, que tem 29 e que também preferiu Trump.

Este resultado complica enormemente o panorama para a candidata democrata, Hillary Clinton, que teria que ganhar quase todos os estados que restam em jogo - e que em vários casos têm o magnata como favorito - para chegar aos 270 votos necessários.

Além disso, a derrota na Pensilvânia representa um duro golpe psicológico para Hillary, que escolheu esse estado para fazer na segunda-feira seu grande ato de fechamento de campanha, na cidade da Filadélfia, muito ligada à ex-secretária de Estado.

Trump, por sua vez, visitou o estado várias vezes nos últimos dias, e sua esposa, Melania, lá protagonizou seu único comício sozinha na semana passada, a fim de atrair o voto das mulheres.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos