Milhares de palestinos lembram 12º aniversário da morte de Arafat

Ramala (Cisjordânia), 10 nov (EFE).- Milhares de pessoas participaram nesta quinta-feira na cidade cisjordaniana de Ramala da cerimônia de homenagem ao pai do nacionalismo palestino, Yasser Arafat, que morreu há 12 anos, no dia 11 de novembro de 2004.

Seu sucessor, o atual presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP) e líder do partido nacionalista Fatah, Mahmoud Abbas, afirmou ao público reunido no palácio da Muqata que o próximo ano "será o do fim da ocupação israelense" e - em uma referência incomum ao fim de seu mandato, ainda por determinar - disse que não o terminará "com passividade".

Membros da Organização para a Libertação da Palestina (OLP), o Conselho Nacional Palestino, o primeiro-ministro e a equipe de governo também participaram do ato, no qual se apoiou Abbas, que nunca conseguiu colher o mesmo apoio que Arafat e que agora enfrenta especulações sobre sua saída do poder e a incerteza de sua sucessão.

A morte aos 75 anos do famoso líder nacionalista em um hospital de Paris, para onde foi levado de Ramala quando seu estado de saúde piorou após 34 meses de assédio na Muqata, continua sendo motivo de debate depois que seu corpo foi exumado há quatro anos para ser investigado sob a suspeita de que podia ter sido envenenado.

Há um ano a Justiça francesa arquivou o inquérito aberto por suposto envenenamento, embora sua viúva, Suha Arafat, tenha recorrido da decisão por considerar que não se tinha ido até o fim desse inquérito.

No evento de hoje, líderes e representantes palestinos elogiaram o vencedor do prêmio Nobel da Paz por seu trabalho na assinatura dos Acordos de Oslo, junto com os também falecidos israelenses Shimon Peres e Yitzhak Rabin, assinalando que hoje continua sendo o exemplo de seu povo.

"A ANP e o movimento Fatah manterão o mesmo enfoque que Arafat seguiu, construir um Estado palestino sem ocupação e assentamentos", declarou à Efe o membro da OLP Ahmad Abdurrahman.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos