Obama pede reconciliação em mensagem para veteranos de guerra

Washington, 12 nov (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, apelou neste sábado à reconciliação de todos os americanos e lhes pediu que "amem seus vizinhos como eles mesmos" em mensagem destinada a homenagear os veteranos de guerra.

Em seu discurso semanal dos sábados divulgado pela Casa Branca, Obama citou os ex-combatentes como exemplo de unidade frente às divisões que às vezes explodem na política do país.

"Neste fim de semana, enquanto buscamos formas de resolver nossas diferenças, apelamos aos princípios que são mais duráveis que a política", disse Obama em seu discurso deste sábado, um dia depois do Dia dos Veteranos criado para honrar os ex-combatentes dos EUA.

O presidente descreveu o exército como "uma equipe unida, na qual uns cuidam dos outros" e também como "uma das instituições mais diversas" que representa cada um dos cantos do país com imigrantes, soldados nascidos nos EUA, cristãos, muçulmanos, judeus e ateus.

Sem mencionar a eleição como novo presidente de Donald Trump ou os protestos em várias cidades dos EUA, Obama lembrou os valores de solidariedade e patriotismo para seguir adiante.

"Podemos pôr em prática a bondade, podemos ser voluntários e respeitar-nos uns aos outros, sempre podemos apoiar-nos os uns nos outros. E podemos mostrar o quanto amamos nosso país ao amar nossos vizinhos como a nós mesmos", ressaltou Obama, que deixará a Casa Branca em janeiro.

A surpreendente vitória eleitoral do republicano Donald Trump sobre a democrata Hillary Clinton no pleito da terça-feira passada pôs fim a uma das campanhas eleitorais mais agressivas e polarizadas da história recente do país.

De acordo com a última pesquisa do Escritório do Censo, realizada entre 2009 e 2013, nos Estados Unidos há 21,5 milhões de veteranos, entre eles 1,2 milhão de latinos.

O Dia dos Veteranos se originou em 1919 como o "Dia de Armistício" para marcar o primeiro aniversário do fim da Primeira Guerra Mundial. Mas, em 1954, o presidente Dwight D. Eisenhower mudou o nome do feriado pelo qual agora é conhecido para honrar os soldados americanos caídos em todas as guerras.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos