Berlim classifica acordo colombiano de "esperança" em um "mundo desunido"

Berlim, 13 nov (EFE).- O Executivo alemão expressou neste domingo satisfação pelo novo acordo de paz alcançado entre o governo da Colômbia e a guerrilha das Farc, questão que qualificou de "sinal esperança" em um "mundo desunido".

Todas as partes envolvidas mostraram uma "vontade inquebrantável de paz", ao se sentar novamente para negociar após a "decepção" pelo referendo realizado em outubro, que rejeitou o anterior acordo, aponta o ministro alemão de Relações Exteriores, Frank-Walter Steinmeier, através de um comunicado.

O resultado agora é um acordo "melhorado" e uma demonstração de que ambas as partes querem "um futuro em paz" para a Colômbia, prossegue, e que seguir na via do "confronto sangrento" não é uma opção.

Steinmeier expressa, além disso, sua "admiração" pela determinação do presidente Juan Manuel Santos a pôr fim a décadas de conflito e lembra finalmente o compromisso da Alemanha com o processo de paz e a ajuda ao pós-conflito.

O governo alemão criou em meados de 2015 o cargo de comissário especial para o processo de paz na Colômbia, que recaiu no até então delegado de direitos humanos do Executivo, o verde Tom Koenigs, adscrito ao Ministério das Relações Exteriores.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos