Ataques suicidas na cidade iraquiana de Faluja deixam ao menos 9 mortos

Bagdá, 14 nov (EFE).- Pelo menos nove iraquianos morreram nesta segunda-feira, entre eles três policiais, em dois ataques suicidas perpetrados na cidade de Faluja, a 50 quilômetros de Bagdá, informou à Agência Efe uma fonte da polícia do Iraque.

A fonte precisou que um suicida, ao volante de um carro-bomba, detonou os explosivos que transportava em um posto de controle na entrada do bairro de Nazal, no centro de Faluja, o que causou a morte de seis civis e dois agentes da polícia, além de deixar outras seis pessoas feridas.

Outro suicida explodiu o colete que levava encostado ao corpo na delegacia central de Faluja, o que provocou a morte de um policial e deixou outros quatro feridos, além de grandes danos no edifício.

Este é o primeiro ataque que ocorre em Faluja desde que em junho as forças iraquianas recuperaram o controle da cidade das mãos do grupo terrorista Estado Islâmico (EI).

Três meses depois da libertação, foi permitido o retorno da população, embora ainda haja alguns bairros que se encontram vazios, pendentes de reconstrução e da reinstalação dos serviços básicos. EFE

sy-jfu-em/ff

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos