Sérvia reforça em Astana laços com economia mais poderosa de Ásia Central

Astana, 15 nov (EFE).- O primeiro-ministro da Sérvia, Aleksandar Vucic, se reuniu nesta terça-feira em Astana com o presidente do Cazaquistão, Nursultan Nazarbayev, para desenvolver os acordos de cooperação forjados na capital sérvia, anunciou o escritório do governante cazaque.

Durante a reunião, as partes debateram a implementação dos acordos alcançados durante a visita oficial de Nazarbayev a Belgrado no último mês de agosto, onde convidou empresas sérvias a participar da construção de uma ferrovia na chamada "Nova Rota da Seda" no trecho que conectará a seu país com o Irã e o Golfo Pérsico.

Por outro lado, o presidente cazaque assegurou que seu país apoia a intenção de Belgrado de criar uma zona de livre-comércio com a União Econômica Euroasiática (UEE), à qual pertencem Rússia, Armênia, Belarus e Quirguistão, além do Cazaquistão.

Nazarbayev destacou hoje que a Sérvia é um importante parceiro comercial do Cazaquistão na Europa, e acrescentou que ambos países têm um grande potencial em termos de cooperação econômica.

O presidente cazaque destacou que 24 companhias sérvias estão registradas em seu país, mas apenas 15 operam. "É óbvio que temos que continuar e ampliar nossa cooperação econômica", disse.

Vucic, por sua vez, ressaltou que a experiência do país centro-asiático no desenvolvimento de diversas esferas da economia será útil para a Sérvia.

O premiê sérvio e seu homólogo cazaque, Baqytzhan Saghyntaev, percorreram hoje a área da próxima Expo 2017 Astana e dos novos escritórios do ForteBank, construídos por empresas sérvias.

Os primeiros-ministros de ambos países participaram de um fórum de negócios cazaque-sérvio destinado a apoiar às empresas sérvias que já operam no Cazaquistão e promover àqueles que mostraram interesse em participar do programa de privatização do país 2016-2020.

Tanto o primeiro-ministro do Cazaquistão como Nazarbayev pediram também aos investidores sérvios que se envolvam no plano de estímulo econômico promovido pelo presidente cazaque, "Nurly Zhol", que está fortemente concentrado no desenvolvimento de infraestruturas.

O Cazaquistão está buscando investimentos estrangeiros para realizar projetos de estradas, ferrovias, portos e telecomunicações. EFE

kk/rsd

(vídeo)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos