Exército paquistanês diz ter matado 45 soldados indianos desde agosto

Islamabad, 16 nov (EFE).- O Exército do Paquistão informou nesta quarta-feira que matou 45 militares indianos desde o início da atual onda de tensão entre os dois países, em agosto, 11 deles há dois dias em resposta à morte de sete soldados paquistaneses.

O chefe do Exército do Paquistão, general Raheel Sharif, disse a jornalistas em Islamabad que na segunda-feira passada foram mortos 11 soldados indianos para vingar a morte de sete de seus homens nesse mesmo dia, o que eleva para 45 o número total de mortes no lado indiano.

Uma fonte militar que pediu o anonimato detalhou à Agência Efe que este balanço leva em conta os soldados indianos mortos desde o começo das hostilidades em agosto.

A eles se somam pelo menos 26 paquistaneses, civis e militares, mortos em violações ao cessar-fogo por parte da Índia nos dez primeiros meses de 2016, segundo o último balanço divulgado pelo Paquistão há duas semanas.

Nova Deli e Islamabad se acusam de ter realizado neste ano 369 e 178 violações ao cessar-fogo na fronteira, respectivamente.

A aumento da onda de violência na disputada Caxemira indiana intensificou os frequentes atritos entre Índia e Paquistão, uma tensão que disparou há dois meses após a ação de um grupo insurgente paquistanês que causou a morte de 19 soldados em solo indiano.

A Índia respondeu com ataques "cirúrgicos" contra supostos corredores de terroristas na fronteira e iniciou uma campanha diplomática contra o país vizinho com a intenção de isolá-lo internacionalmente.

Ambos os países disputam a região da Caxemira desde a partilha do subcontinente com a retirada do Império britânico, em 1947, e travaram duas guerras e vários conflitos menores pela região.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos