Trump diz que fez acordo em casos contra sua universidade por falta de tempo

Nova York, 19 nov (EFE).- O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou neste sábado que aceitou chegar a um acordo com a Justiça americana para encerrar os processos por fraude contra a Universidade Trump ('Trump University', em inglês) ao alegar que, devido a suas novas responsabilidades, não terá tempo de ir ao julgamento.

"Cheguei a um acordo para pagar no caso contra a Universidade Trump uma pequena fração da indenização potencial porque, como presidente, tenho que manter o foco em nosso país", disse o magnata através de Twitter.

Trump assegurou que "o único mal de ter vencido a presidência" é que agora ele não tem "tempo para um julgamento longo, mas bem-sucedido" sobre este caso.

"É uma pena!", acrescentou o presidente eleito, que durante anos negou-se a pagar compensações aos litigantes em ações judiciais e que sempre alegou ser contrário a acordos em tribunais, apesar de contar com vários em seu histórico.

Ontem, Trump aceitou pagar US$ 25 milhões para encerrar os processos por fraude contra sua universidade e evitar a necessidade de um julgamento.

Caso seja aprovado pela Justiça, o acordo porá fim a dois casos abertos na Califórnia e outro em Nova York.

Em um dos casos na Califórnia, o início das audiências do julgamento estava previsto para o fim deste mês.

A Universidade Trump, que abriu em 2005 e fechou cinco anos depois, nunca teve licença para operar e cometeu fraude ao oferecer educação para milhares de consumidores, segundo as autoridades.

O centro oferecia cursos sobre finanças e negócios no setor imobiliário, com matrículas de até US$ 35 mil. Um ex-funcionário definiu sua operação como "fraudulenta", que "se aproveitou de idosos e pessoas sem formação para lesá-los financeiramente".

"As vítimas da Universidade Trump esperaram anos pelo resultado" disse o procurador-geral do estado de Nova York, Eric Schneiderman, ao anunciar o pacto ontem.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos