Seções eleitorais das primárias conservadoras francesas são fechadas

Paris, 20 nov (EFE).- As mais de 10 mil seções eleitorais abertas na França para as primárias da coalizão de centro-direita fecharam neste domingo às 19h locais (16h de Brasília), após terem recebido uma grande quantidade de eleitores ao longo da jornada, que superou as expectativas.

As seções eleitorais, situadas em escolas, prefeituras e outros estabelecimentos públicos, mantêm suas atividades até que todos os eleitores que se encontravam em seu interior até o horário oficial de fechamento possam votar.

As longas filas marcaram a jornada eleitoral, a primeira organizada pela direita e pelo centro para escolher o candidato às eleições presidenciais do próximo ano.

A jornada eleitoral se desenvolveu sem grandes incidentes, apenas com algumas denúncias, testemunhais, de algumas das candidaturas pela hora de abertura de determinadas seções.

A duas horas do fechamento, mais de 2,5 milhões de pessoas tinham votado, por isso os organizadores das primárias esperam que o número de participantes supere com folga os 3 milhões.

Essa elevada participação pode atrasar a apuração de votos e a publicação dos primeiros resultados provisórios, que são esperados para as 20h30 locais (17h30 de Brasília), uma hora e meia após fechamento oficial das seções. No entanto, os resultados significativos não chegarão até perto das 23h locais (20h de Brasília).

Sete candidatos concorrem à candidatura presidencial entre os conservadores, e três deles - o ex-presidente Nicolas Sarkozy e os ex-primeiros-ministros Alain Juppé e François Fillon - partem como favoritos.

A eles se somam os ex-ministros Bruno Le Maire, Nathalie Kosciusko-Morizet e Jean-François Copé, além do presidente do partido democrata-cristão Jean-Frédéric Poisson.

Os dois candidatos mais votados hoje passarão para o segundo turno, que será realizado no próximo domingo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos