FSD retomam parcialmente cidade após combates contra rebeldes sírios

Beirute, 21 nov (EFE).- As Forças da Síria Democrática (FSD), uma aliança curdo-árabe, retomaram nesta segunda-feira o controle parcial da cidade síria de Al Sheikh Nasr, no nordeste da província de Aleppo, após combates contra rebeldes sírios respaldados pela Turquia.

O porta-voz do Conselho Militar de Manbij e sua periferia, Shervan Darwish, explicou à Agência Efe por telefone que seus soldados, que pertencem às FSD, recuperaram parte de Al Sheikh Nasr, embora "ainda haja ataques com armas pesadas e bombardeios".

Darwish denunciou que as facções sírias, que estão apoiadas por carros de combate e aviões turcos, começaram a atacar há três dias posições do Conselho Militar de Manbij nas populações de Sheikh Nasr, Teeran e Ailan, "após a retirada das Unidades de Proteção do Povo (YPG, em sua sigla em curdo)".

As YPG são a principal milícia curdo-síria e componente mais importante das FSD, que estão respaldadas pela coalizão internacional liderada pelos EUA.

As YPG recuaram no último dia 16 da cidade de Manbij para participar da ofensiva contra o grupo terrorista Estado Islâmico (EI) na vizinha província de Al Raqqa.

Darwish explicou que uma pessoa morreu e outras quatro ficaram feridas nestes três dias pelos disparos de artilharia das facções sírias e da Turquia contra posições das FSD.

"Quando as YPG se retiraram, EUA e a coalizão nos ofereceram garantias que defenderiam Manbij, mas até agora não intervieram e também não entraram em contato conosco", indicou Darwish.

O porta-voz lembrou que o Conselho Militar de Manbij faz parte da luta contra o EI e que ajudou a "libertar" áreas dos jihadistas.

Desde o final de agosto, várias organizações rebeldes sírias tomam parte junto às forças turcas na operação "Escudo do Eufrates" para expulsar o EI de Aleppo e impedir o avanço das milícias curdas. EFE

ssa/ff

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos