Homem armado invade asilo e mata mulher no sul da França

(Atualiza com mais informações).

Paris, 24 nov (EFE).- Um homem armado invadiu um asilo para monges nesta quinta-feira em Montferrier-sur-Lez, no sul da França, e matou uma mulher, de acordo com a imprensa local.

A vítima era vigilante do asilo e teria sido assassinada com uma arma branca. Os agentes encontraram o corpo da mulher no primeiro andar do prédio que abriga o asilo, segundo a imprensa.

O jornal "Le Figaro" indicou em seu site que o homem estava sozinho e armado com um fuzil. Por enquanto, a polícia não sabe quais foram suas motivações. Os 59 moradores do asilo estão ilesos, mas o agressor conseguiu fugir.

Policiais e membros do Grupo de Intervenção da Gendarmaria Nacional fizeram uma operação de busca na região para tentar encontrar o homem, sem sucesso.

No asilo atacado viviam antigos missionários que tinham trabalhado na África, com uma média de idade de 75 anos.

A emissora "Itéle" acrescentou que não há elementos que permitam determinar que o ataque seja um ato terrorista.

O homem invadiu o asilo por volta das 22h locais (18h em Brasília).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos