Otto danifica mais de 500 casas durante passagem por San Juan da Nicarágua

Manágua, 25 nov (EFE).- Pelo menos 564 casas foram danificadas pela passagem do furacão Otto no município de San Juan da Nicarágua, fronteiriço com a Costa Rica, no litoral sudeste do país, onde tocou terra na quinta-feira em categoria 2, sem deixar vítimas até o momento, informaram as autoridades.

O prefeito de San Juan da Nicarágua, Misael Morales, disse a jornalistas que esse município suportou por mais de três horas o impacto direto de Otto como furacão que deixou, segundo o reporte preliminar, 564 casas inabitáveis no centro urbano.

Na zona rural ainda não contabilizam os danos, esclareceu.

Em San Juan da Nicarágua, um município de 2,6 mil moradores, a metade no setor rural, e situado no extremo do Caribe sul, foram ativados centenas de albergues onde estão refugiadas centenas de pessoas, de acordo com as autoridades.

O olho do furacão Otto, com ventos sustentados de 175 km /h, tocou nesta quinta-feira terra nesse município litorâneo, onde também fica a foz do rio San Juan, segundo o diretor de Meteorologia do Instituto Nicaraguense de Estudos Territoriais (Ineter), Marcio Baca.

O especialista afirmou que Otto alcançou em San Juan da Nicarágua sequências superiores de 190 km/h.

Até o momento as autoridades somente tinham confirmado problemas nas paradisíacas Isla de Maíz, onde 12 casas foram afetadas, das quais 3 ficaram totalmente destruídas, e danos à infraestrutura.

O governo da Nicarágua ainda não ofereceu um balanço geral preliminar dos estragos causados por Otto, degradado a tempestade tropical no Pacífico.

Na Nicarágua, o governo informou nesta quinta-feira que mantém o estado de emergência nacional por causa de Otto, que já saiu do território e adentrou o Oceano Pacífico.

O olho do furacão Otto saiu da Nicarágua na tarde da quinta-feira sem deixar grandes danos e nem chuvas extraordinárias, segundo o primeiro relatório do Sistema Nacional para a Prevenção, Mitigação e Atendimento de Desastres (Sinapred), que evacuou quase 10 mil pessoas antes da chegada do fenômeno.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos