Fidel Castro está no mesmo patamar de Marx, Lenin e Che, diz comunista russo

Moscou, 26 nov (EFE).- O ex-presidente de Cuba, Fidel Castro, que morreu na noite de sexta-feira, passará para a história no mesmo patamar que figuras como Marx, Lenin, Stalin e Che Guevara, afirmou Ivan Melnikov, vice-presidente do Partido Comunista da Rússia.

"Fidel estará sempre no mesmo nível que grandes figuras como Marx, Lenin, Stalin, José Martí e Che Guevara. Seu legado será estudado e vai inspirar as próximas gerações", disse Melnikov a veículos de imprensa locais.

Ivan Melnikov disse que a morte do líder cubano, que visitou pela primeira vez a União Soviética em 1963, "é uma perda irreparável", já que se tratava de "um ídolo no melhor sentido da palavra".

"É um símbolo do século XX, um símbolo da fidelidade a um ideal, da firmeza e luta, que culminaram com sucesso", afirmou.

E observou que, apesar dos longos anos que esteve no poder, "não perdeu nem um segundo o contato com seu povo".

As relações entre Moscou e Havana entraram em crise após a queda da União Soviética, em 1991, mas nos últimos anos, o atual presidente russo, Vladimir Putin, impulsionou uma nova aliança estratégica entre o Kremlin e Cuba.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos