Ataque de grupo rebelde no leste da RDC deixa pelo menos 30 pessoas mortas

Kinshasa, 27 nov (EFE).- Pelo menos 30 civis morreram neste domingo em um ataque da facção rebelde Mai Mai na cidade de Luhanga, no leste da República Democrática do Congo (RDC), informou o governador da província de Nord-Kivu, Julien Paluku, à Agência Efe.

Conforme relatou, a ação aconteceu às 5h (horário local, 2h em Brasília), quando homens armados invadiram a cidade, de maioria hutu, depois de terem atacado às Forças Armadas da RDC (FARDC). Os militares conseguiram repelir o ataque contra suas posições, mas não conseguiram evitar que os rebeldes entrassem na cidade e matassem os civis com armas de fogo e facões.

Os enfrentamentos para controlar o território são frequentes na região, mas, segundo Paluku, o atual aumento da violência requer atuação imediata do governo congolês. A região nordeste da RDC está há anos imersa em um longo conflito entre vários grupos rebeldes, que diariamente fazem ações terroristas, apesar da presença do Exército e da Missão das Nações Unidas (MONUSCO).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos