Após 30 anos, homem surpreende mulher com casamento transmitido na internet

Sara Martos.

Buenos Aires, 1 dez (EFE).- Após 30 anos juntos, uma união civil e três filhos em comum, o fotógrafo argentino Gustavo Ortiz decidiu organizar um casamento surpresa para sua mulher e transmiti-lo ao vivo em redes sociais, mas não esperava que o vídeo se tornasse um sucesso no país.

A Basílica do Sagrado Coração de Jesus de Buenos Aires foi no final de semana passado o cenário de um casamento que foi celebrado na igreja, mas acompanhado por milhares de pessoas graças ao Facebook, explicou Ortiz à Agência Efe.

Cinco dias depois do evento, o vídeo postado pelo protagonista no YouTube conta com mais de 9.300 visitas e o compartilhado por um amigo de ambos já soma cerca de 6.200 no Facebook.

Através da transmissão, o fotógrafo pretendia que amigos do casal residentes nos Estados Unidos, Canadá, Holanda e Espanha pudessem ser parte do acontecimento.

O argentino germinava a ideia há anos na cabeça, mas nenhum pároco lhe tinha permitido dar o passo final por faltar o consentimento de um dos cônjuges, o de sua mulher, Mercedes.

No entanto, em agosto sua sorte mudou quando recorreu ao dom Sebastián García, sacerdote de uma basílica localizada no bairro de Barracas, no sul da capital.

"Eu faço, gosto da ideia, quando você quer casar?" foi a resposta do padre que aceitou realizar a cerimônia, detalhou Ortiz.

Nesse momento se iniciaram cinco meses de preparativos que começaram com uma mensagem no grupo que o casal compartilha com seus amigos no Whatsapp e no qual seu amigo Walter convidou todos para seu "falso casamento" no dia 26 de novembro.

Graças a este álibi, Ortiz conseguiu que Mercedes comprasse um vestido longo, que não optasse por um na cor preta, marcasse hora no cabelereiro e estivesse na igreja na hora prevista.

Para completar sua "loucura" escolheu cúmplices que se ocupassem do véu, do buquê de flores da noiva e das decorações do lugar escolhido para a celebração.

Quando a protagonista chegou à entrada da igreja quis entrar por uma porta lateral, mas estava fechada e Mercedes disse: "Pela do meio não, que entra a noiva".

"Nesse momento se abre a porta, estava meu sogro esperando do outro lado da porta, toda a família e as crianças lhe dizem: é seu casamento, não o de Walter", relatou Ortiz.

Ao chegar ao altar Mercedes disse a Ortiz: "Não posso acreditar, você está louco, só você mesmo. Não posso acreditar que fez tudo isto sozinho", narrou o artífice do plano.

O cinegrafista confessou que "nunca" falaram em casar-se na Igreja porque não são "super católicos". No entanto, como gosta de fazer surpresas para sua mulher, pensou que era uma maneira de demonstrar-lhe seu amor diante de seus filhos.

Não é a primeira vez que Ortiz deixa sua companheira boquiaberta, mas até agora a fotografia era o caminho para deslumbrá-la.

Cinco dias depois ainda estão digerindo o fato e a repercussão que teve um acontecimento que esperavam que fosse internacional, "mas não midiático", comentou.

Enquanto Ortiz, que trabalhou no jornal argentino "Clarín", administra com simpatia a "fama", sua mulher preferiu manter-se longe dos focos porque "ela é psicóloga e se sente mais confortável falando dos transtornos do sono", declarou entre risos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos