Promotoria da Bolívia chama pares de Brasil e Colômbia para analisar acidente

La Paz, 2 dez (EFE).- O procurador-geral da Bolívia, Ramiro Guerrero, informou nesta sexta-feira que convocou seus pares de Brasil e Colômbia para uma reunião na cidade de Santa Cruz na próxima semana para analisar o caso do acidente do avião da companhia aérea boliviana Lamia, no qual morreram 71 pessoas.

"Convidei os colegas de Brasil e Colômbia para ver de maneira concreta o caso do acidente aéreo que matou os jogadores do time de futebol da Chapecoense, jornalistas e tripulantes do avião da linha aérea Lamia", afirmou Guerrero, segundo um comunicado da Procuradoria Geral do Estado.

A reunião está prevista para a próxima quarta-feira em Santa Cruz, acrescentou.

O Ministério Público boliviano já estabeleceu contato, através de sua unidade de Cooperação e Relações Internacionais, para obter dados sobre o acidente.

O governo boliviano decidiu na quinta-feira retirar a permissão de operações da Lamia e suspender as principais autoridades do setor aeronáutico enquanto se averiguam as causas do acidente.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos