Presidente da Itália pede "serenidade e respeito" após resultado de referendo

Roma, 5 dez (EFE).- O presidente da Itália, Sergio Mattarella, pediu nesta segunda-feira "serenidade e respeito mútuo" após o resultado do referendo de domingo e o anúncio da renúncia do primeiro-ministro, Matteo Renzi.

Mattarella e Renzi se reuniram nesta manhã no Palácio do Quirinal e posteriormente o presidente italiano emitiu um comunicado no qual destaca que a alta afluência no referendo é "o testemunho de uma democracia sólida, de um país apaixonado, capaz de participação ativa".

O presidente pediu que "o clima político, mesmo com a dialética necessária, seja marcado pela serenidade e o respeito mútuo".

"A Itália é um grande país com muitas energias positivas em seu interior", disse Mattarelli.

"Temos que enfrentar compromissos e prazos os quais as instituições terão que garantir que respeitarão, garantindo respostas à altura dos problemas do momento", acrescentou o presidente.

Renzi, que anunciou sua renúncia após a derrota no referendo de reforma constitucional, indicou que depois do Conselho de Ministros de desta segunda-feira colocará seu cargo à disposição.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos