Erdogan promete que Turquia lutará até o fim contra o terrorismo

Istambul, 11 dez (EFE).- O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, prometeu neste domingo que seu país lutará até o fim contra o terrorismo e que se vingará do duplo atentado que deixou 38 mortos e 155 feridos ontem à noite no centro de Istambul.

"Vamos lutar até o fim contra a praga do terrorismo", disse Erdogan durante um discurso em Istambul, que foi veiculado pela emissora "CNNTÜRK".

"Se (os terroristas) acreditam que vão nos assustar com isto, estão enganados", acrescentou o presidente, que prometeu que seu país se vingará do ocorrido e que os responsáveis pagarão "um preço muito alto".

Erdogan também afirmou que alguns países não estavam sendo totalmente sinceros em sua condenação do duplo ataque, mas não entrou em mais detalhes.

Em ocasiões anteriores, o presidente turco disse que os países europeus não combatiam com determinação suficiente o Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK, sigla em curdo) e outras organizações afins localizadas em seus territórios.

A Turquia declarou hoje dia de luto nacional pelo duplo atentado que o governo atribui ao PKK, mas, até o momento, a guerrilha curda não assumiu a autoria do ataque.

As duas explosões, uma causada por um carro-bomba e a outra por um suicida, aconteceram na noite de ontem com menos de um minuto de diferença entre elas, perto do estádio do time de futebol Besiktas. As ações tinham como alvos integrantes das forças de segurança, segundo o ministro do Interior do país, Suleyman Soylu.

Entre os 38 mortos, 30 eram policiais, enquanto 13 pessoas foram detidas por supostos vínculos com o atentado, indicou Soylu.

Os ataques foram realizados perto de uma área turística da metrópole turca e são os últimos de uma série de atentados que sacudiram o país nos últimos 18 meses.

Erdogan esteve presente nas primeiras cerimônias fúnebres em homenagem aos agentes mortos no ataque, que aconteceram em dependências policiais em Istambul.

Milhares de pessoas com bandeiras turcas compareceram hoje ao local do ataque em uma manifestação de repúdio ao ocorrido.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos