Ataque com gases tóxicos deixa 34 mortos na Síria

Beirute, 12 dez (EFE).- Pelo menos 34 civis morreram e dezenas ficaram feridos nesta segunda-feira em um ataque com gases tóxicos de aviões de guerra de origem desconhecida na região de Aqrab, na província de Hama, disse à agência Efe o diretor do Observatório Sírio de Direitos Humanos, Rami Abdul Rahman.

Entre as vítimas há pelo menos 11 menores de idade e oito mulheres, acrescentou o Rahman, que destacou que essa área, situada no oeste de Hama, está sob o controle do grupo terrorista Estado Islâmico (EI).

O Observatório, que citou testemunhas, apontou que os projéteis continham substâncias tóxicas, que causaram asfixia.

Desde a manhã desta segunda-feira foram registrados bombardeios contra as zonas de Al Qustul, Al Yaruh, Al-Salalia e Aqrab, que está a oeste da cidade de Al Salamiyah, relatou a fonte.

Nos últimos dias, Aqrab foi alvo de ataques aéreos de aviões de guerra.

Atualmente, bombardeiam posições do EI na Síria as aviações do regime e a russa, além da coalizão liderada pelos Estados Unidos. EFE

ssa/cs

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos