Kremlin diz que Putin tem "boas relações" com secretário indicado por Trump

Moscou, 13 dez (EFE).- O chefe de Estado da Rússia, Vladimir Putin, mantém "boas relações de trabalho" com Rex Tillerson, o homem escolhido pelo presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, para ser o próximo secretário de Estado, o chefe da diplomacia americana, afirmou nesta terça-feira o Kremlin.

"Os representantes da Rússia, não só o presidente, mantêm boas relações de trabalho com esta pessoa e todo o mundo tem dele uma imagem de alguém muito respeitado", disse hoje Yuri Ushakov, assessor de Putin, sobre o executivo da companhia petrolífera Exxonmobil.

Ushakov lembrou que Tillerson, de 64 anos, foi condecorado por Putin com a Ordem da Amizade, uma das mais altas distinções que a Rússia concede a estrangeiros, e qualificou o executivo americano como "uma pessoa muito profissional".

O ministro das Relações Exteriores russo, Sergei Lavrov, também louvou o pragmatismo do homem indicado por Trump para ocupar o Departamento de Estado, em entrevista coletiva que ofereceu hoje em Belgrado, na Sérvia.

"Acredito que o presidente Trump e o futuro secretário de Estado não se opuseram ao desenvolvimento de nossas interações, pelo contrário, são pessoas pragmáticas", disse Lavrov.

O chanceler russo acrescentou que "este pragmatismo será uma boa base para impulsionar relações frutíferas tanto do ponto de vista bilateral como para a solução de problemas internacionais".

O assessor de Putin também lembrou que a equipe nomeada por Trump "deve passar ainda pelo filtro do Senado" americano e advertiu que isto "não é algo tão simples", devido ao fato de que alguns senadores, inclusive do Partido Republicano, são contrários à nomeação de Tillerson, pois acreditam que ele é amigo de Putin.

O presidente russo manteve várias reuniões com o executivo da Exxonmobil, que na década de 1990 esteve à frente das operações da companhia petrolífera na Rússia.

Em 2011, Tillerson obteve um acordo que permitia a Exxon ter acesso aos valiosos recursos da Rússia no Ártico, além de possibilitar à companhia petrolífera estatal russa, Rosneft, investir em concessões da Exxon no mundo todo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos