Bombeiro peruano é condecorado por atuação após tragédia da Chapecoense

Lima, 15 dez (EFE).- O capitão do corpo de bombeiros voluntários do Peru Teobaldo Garay foi condecorado por sua participação no resgate de vítimas do acidente aéreo da equipe da Chapecoense, ocorrido na Colômbia no dia 28 de novembro, informou nesta quinta-feira o Ministério do Interior peruano.

Garay foi reconhecido com a medalha "Deus-Pátria-Humanidade", no grau de "Soldado de Fogo", durante a cerimônia pelo 42º aniversário de criação da Companhia de Bombeiros Voluntários San Martín de Porres 65, de Lima.

A condecoração foi dada "em mérito a sua destacada ação", pois Garay estava na Colômbia recebendo capacitação em técnicas de salvamento vertical quando ao saber do acidente não hesitou em se somar a seus colegas colombianos em um ato que prestigia e avalia o nível profissional dos Bombeiros Voluntários do Peru", destacou a nota oficial.

Teobaldo Garay foi parte da equipe que recuperou o zagueiro Neto, o último dos sobreviventes a ser achado entre os destroços do avião que levava o time da Chapecoense para a Colômbia e que deixou 71 mortos.

Neto deixou hoje o hospital próximo a Medellín no qual estava internado e retornou ao Brasil em "boas condições", segundo se informou desde Colômbia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos